Pages

terça-feira, 22 de maio de 2012

Aventuras de um diário de bordo


Você já sonhou em conhecer mundo inteiro? Imagine como seria encarar essa aventura centenas de anos atrás, a bordo de uma caravela. 

A nossa turminha viveu essa aventura, viajamos sem sair da sala de aula e ainda  aprendemos o gênero textual “Diário de Bordo” que tem características bem peculiares como o narrador em primeira pessoa e a descrição detalhada de fatos de uma viagem. 


O Livro Negro de Thomas Kyd é um diário de bordo cheio de detalhes legais da viagem marítima de um garoto inglês rumo à América, na frota do comandante Thomas Cavendish ( existiu de verdade e inspirou o livro no ano de 1591). Thomas Kyd inicia sua jornada pelos mares com direito à passagens pelo Brasil, nas cidades de Santos e do Rio de Janeiro -  atualmente, Angra dos Reis .
Ele ficou maravilhado ao conhecer povos diferentes. Aqui no Brasil, os nossos índios e seus costumes, a nossa fauna e flora. O protagonista  também passou por situações difíceis,  conheceu monstros marinhos aterrorizantes, além de viver dias de fome e sede em alto-mar.


           Estas turminhas narraram a aventura.
    Da esquerda para direita: Stéfane Coligny, Thaís Marques, Larissa Elen, Inaê Fialho, Isabelly Cristine                           



























Da direita para esquerda: Ana Zélia, Kécia Walesca, Aluízio Magalhães, Débora de Sousa Costa, Camila Cavalcanti
                                     

Alguns professores prestigiaram o evento - Israel e Davson (matemática) 


 Esta turminha pesquisou sobre os portos e as embarcações da época.
 Da esquerda para direita: Matheus Nascimento, Manuela Amlid, João Alberto, Pedro Henrique

 

Estas turminhas pesquisaram a vida no mar: os mapas, os monstros marinhos e as doenças que alguns marinheiros adquiriam depois de meses em alto mar.


  Da esquerda para direita: Layse Nayara, Maria Isabel, Maria Eduarda, Aline Frade


                                       Alguns professores prestigiaram o evento: Adriano Sérgio (Geografia) 






  Da direita para esquerda: Ketylen Gomes, Ivana Monteiro, Eduardo Colaço, Emerson de Freitas Xavier


                      Da direita para esquerda Vinicius, Beatriz Roberta, Pedro Iam, Lucas Sandres

Parabéns, Turminha!

6 comentários:

  1. gladys magalhães23 de maio de 2012 15:54

    Parabenizo aos alunos que participaram e a professora Helena que conseguiu incentivar o interesse dos mesmos nesta exposição.
    Gladys Magalhães.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada. Eu nada poderia fazer sem a ajuda de Deus, dos pais e, é claro, da Turminha que eu amo tanto.

      Excluir
  2. Helena, fiquei emocionada com o seu trabalho e o dos alunos. É uma felicidade ver o livro sendo usado dessa forma tão ampla e animada. Pena eu não ter visto 'ao vivo' a exposição. Um abraço, Sheila Hue

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Emocionados ficamos nós! É muito bom saber que o nosso trabalho foi visto por você, a autora do livro, WoW!!!! Saiba que curtimos demais as aventuras de Thomas Kyd.
      A leitura do livro, em sala de aula, foi sempre mágica, todos queriam ler e, o melhor, ouvir a narração das aventuras. O livro negro de Thomas Kyd tem uma bela encadernação, ou seja, é bonito, traz ilustrações belíssimas - Alexandre Camanho-, linguagem fácil, agradável, atraente... Duas palavras: Bom demais! Receba o meu abraço e os abraços da Turminha!

      Excluir