Pages

sexta-feira, 13 de junho de 2014

MORFOLOGIA - Exercícios

 

1)      Assinale a frase em que há um adjetivo no grau comparativo:

(A)  Cristina é a mais estudiosa de minhas alunas.
(B)   Joaquim é excessivamente tímido.
(C)  Mário é mais esforçado que Manuel.
(D)  Roberto é o menos estudioso dos meus irmãos.
(E)   Minhas provas foram facílimas.


2)      Determine o grau dos  adjetivos, relacionando a chave abaixo com os exemplos que seguem; depois, assinale a numeração encontrada:

  1. Comparativo de inferioridade.
  2. Comparativo de superioridade analítico.
  3. Comparativo de superioridade sintético.
  4. Superlativo absoluto analítico.
  5. Superlativo absoluto sintético.
  6. Superlativo relativo de inferioridade.

(   ) Não aprecio as pessoas excessivamente delicadas.
(   ) Este carro é menos confortável que aquele.
(   ) As crianças são mais imprudentes que os adultos.
(   ) Este tecido é melhor que o outro.
(   ) Ele era o menos falante de todos.
(   ) O mar estava agitadíssimo.

(A)  2 – 1 – 4 – 3 – 1 – 5
(B)   4 – 6 – 2 – 3 – 6 – 5
(C)  5 – 1 – 2 – 2 – 6 – 5
(D)  5 – 2 – 2 – 3 – 6 – 5
(E)   4 – 1 – 2 – 3 – 6 – 5


3)      Reconheça, entre os trechos abaixo, um adjetivo no grau superlativo relativo de superioridade.

(A)  “Evidentemente, ela estava um pouquinho encabulada”.
(B)   “Agora você pode fazer de mim a mais feliz de todas as mulheres”,
(C)  “Por que é que você nunca me deu a menor bola?”
(D)  “Bom, é melhor não falar”.
(E)   “... mas tão alegre que inundava toda a rua de felicidade.”


4)      No trecho: “Os jovens estão mais ágeis que seus pais”, temos:

(A)  superlativo relativo de superioridade.
(B)   comparativo de superioridade.
(C)  superlativo absoluto.
(D)  comparativo de igualdade.
(E)   superlativo analítico de ágil.


5)      Determine o grau dos adjetivos, relacionando a chave abaixo com os exemplos que seguem: depois, assinale a numeração encontrada:

  1. Comparativo de superioridade analítico.
  2. Comparativo de superioridade sintético.
  3. Comparativo de inferioridade.
  4. Superlativo absoluto sintético.
  5. Superlativo absoluto analítico.
  6. Superlativo relativo de inferioridade.

(   ) Este projeto é maior que o outro.
(   ) Rui era o menos aplicado de todos.
(   ) A tarde era agradabilíssima.
(   ) A vida é mais agradável no campo que na cidade.
(   ) Admiro as pessoas muito educadas.
(    ) Esse quadro é menos interessante que aquele.

(A)  2 – 4 – 6 – 5 – 1 – 3
(B)   6 – 2 – 4 – 3 – 5 – 1
(C)  2 – 4 – 5 – 6 – 1 – 3
(D)  3 – 4 – 5 – 1 – 6 – 2
(E)   2 – 6 – 4 – 1 – 5 – 3


6)      Assinale a alternativa em que o adjetivo não está no grau comparativo:

(A)  Ele parecia o mais tímido de todos.
(B)   Dizem que ele é forte como um touro.
(C)  Os filhos já estavam maiores que o pai.
(D)  As candidatas eram mais bonitas que as de hoje.


7)      Assinale o item em que há uma locução adjetiva:

(A)  Esta é a torneira de água fria.
(B)   Ele é um homem corajoso.
(C)  Este quadro é muito feio.
(D)  A bicicleta dela é inglesa.
(E)   Achei um lápis azul.


8)      Assinale a alternativa que apresenta o adjetivo no grau superlativo absoluto analítico:

(A)  Heleninha é amabilíssima.
(B)   José é o menos inteligente da classe.
(C)  Adoro as crianças bastante carinhosas.
(D)  “Hoje, eu quero a rosa mais linda que houver...”


9)      Nas orações “Este livro é melhor do que aquele” “Este livro é mais lindo que aquele”, há os graus comparativos:

(A)  de superioridade, respectivamente sintético e analítico.
(B)   de superioridade, ambos analíticos.
(C)  de superioridade, ambos sintéticos.
(D)  relativos.
(E)   superlativos.


10)  Assinale a opção em que a locução destacada tem valor adjetivo:

(A)  “Comprei móveis e objetos diversos que entrei a utiliza-los com receio.”
(B)   “Azevedo Gondim compôs sobre ela dois artigos.”
(C)  “Pediu-me com voz baixa cinqüenta mil-réis.”
(D)  “Expliquei em resumo a prensa, o dínamo, as serras...”
(E)   “Resolvi abrir o olho para que vizinhos sem escrúpulosnão se apoderassem do que era delas.”

11)  Assinale a opção em que a locução destacada tem valor adjetivo:

(A)  “um drapejado disfarçando a barriga sem cinta.”
(B)   “depois de cumprimentar com a cara fechada aos da casa.”
(C)  “estava ela posta à cabeceira.”
(D)  “olharam a aniversariante de modo mais oficial.”
(E)   “alguns abanaram a cabeça em admiração.”


12)  Qual palavra ou expressão grifada que não tem valor adjetivo:

(A)  “Vontade de mudar as cores do vestido tão feias”,
(B)   “De minha pátria, de minha pátria sem sapatos”.
(C)  “Vi minha humilde morte cara a cara”.
(D)  “Fiquei simples, sem fontes”.
(E)   “Em longas lágrimas amargas”.


13)  Assinale o superlativo relativo:

(A)  Foi o entardecer mais triste daquele inverno.
(B)   Foi um entardecer mais triste do que os outros.
(C)  Foi um entardecer muito triste.
(D)  Foi um entardecer tão triste quanto os outros.


14)  Pior que posar para o Aroldo Nei.” O adjetivo destacado está no grau:

(A)  comparativo de inferioridade.
(B)   superlativo relativo de inferioridade.
(C)  superlativo absoluto sintético.
(D)  normal.
(E)   comparativo de superioridade.


15)  “Por favor, passe ______ caneta que está aí perto de você; _____ aqui não serve para _____ desenhar.”

(A)  aquela – esta – mim
(B)   esta – esta – mim
(C)  essa – esta – eu
(D)  essa – essa – mim
(E)   aquela – essa – eu


16)  Indique a frase em que há o emprego do pronome adjetivo.

(A)  Tudo foi por água abaixo.
(B)   O que disseste é errado.
(C)  Ninguém aceitou aquela proposta.
(D)  Não, li somente aquela.


17)  Em todas as alternativas, a expressão destacada pode ser substituída pelo pronome lhe, exceto em:

(A)  Tu dirás à Cecília que Peri partiu.
(B)   Cecília viu perto a Isabel.
(C)  Cecília recomendou a Peri que estivesse quieto.
(D)  Peri prometeu a Dom Antonio levar-te à irmã.


18)  Cada qual, livremente, faz o seu próprio preço”. “Alto ou baixo, taxa-se, pois, livre ou escravo: isto depende de ti”. As palavras grifadas são, respectivamente, locução e pronomes:

(A)  adjetiva: possessivo e demonstrativo.
(B)   conjuntiva: pessoal e demonstrativo.
(C)  prepositiva: demonstrativo e possessivo.
(D)  pronominal: possessivo e demonstrativo.


19)  Nos versos:

“Dizem que a fonte da serra / que cai da penha no chão / é pranto mudo da terra / que Deus transforma em canção.”

Quantos pronomes relativos existem?

(A)  4
(B)   3
(C)  2
(D)  1


20)  Em que caso o pronome NÃO está classificado corretamente?

(A)  Meu coração está triste (pronome possessivo)
(B)   Alguém me viu (pronome indefinido)
(C)  Este livro é o dele (pronome demonstrativo)
(D)  Ele correu da polícia (pronome pessoal reto)
(E)   Vários alunos não vieram (pronome relativo)



Gabarito:

1. C
2. E
3. B
4. B
5. E
6. A
7. A
8. C
9. A
10. E
11. A
12. C
13. A
14. E
15. C
16. C
17. B
18. D
19. C
20. E

Disponível em http://apostaconcursos.blogspot.com.br/

2 comentários: